Iron Kingdoms

A maioria dos leitores mais antigos, e mesmo os iniciantes,  já devem conhecer ou ter ouvido falar de planescape, spelljammer, forgotten realms, dragonlance e a lista vai longe. Levante a mão quem já jogou D&D ambientado nos reinos de ferro.

Pois é, poucos. Portanto sente que la vem historia. Se não me falha a memoria, o cenário de campanha reinos de ferro foi um projeto iniciado em 2001/2002 vindo do wargame chamado WARMACHINE. Em 2004 o Guia de personagens dos reinos de ferro foi lançado como um incrível calhamaço de quase 400 paginas de ferro, vapor e magia em abundancia. Mais tarde foram publicados o monsternomicon e três revista no estilo Dungeon Magazine sobre o título de “Sem Trégua”.  isso alem da trilogia do fogo das bruxas que foi bem mais difundido.

7_rf-gprf_gO feeling do cenário é de um velho oeste americano. lugares caindo aos pedaços, rifles que se carrega pela boca do cano, pistoleiros e poeira. muita areia e poeira voando. agora troque as casas caindo por casas de pedra no estilo londrino, muitos guindastes e oficinas da era vitoriana. adicione a isso maquinas a vapor no bom e velho estilo steampunk e carregue suas caldeiras com pura magia! nesse cenário, magia se cruza com mecânica para formar a Mekânica, gigantes a vapor cuspem fumaça nos portos enquanto descarregam caixas de produtos, pistoleiros fazem magia com pistolas como se fossem cajados e uma guerra politica e religiosa está dividindo o continente! é disso que estamos falando! como o lema diz, “Fantasia Forjada em Metal”

O Livro básico conta com geografia, cosmologia, religião e tudo que todo bom cenário de campanha tem. o livro também traz adaptação das classes do modulo básico da 3.5 (e eles refizeram o ranger todo!) , alem de quatro classes novas: o arauto da matança, o mago-pistoleiro, o mekânico arcano e o remendão.

O livro básico ainda traz classes de prestigio, uso da mekânica (porque nesse cenário, você jogador é quem projeta os itens mágicos. conduíte por conduíte), entre mil outras coisas.

O livro dos monstros traz o suficiente pra fazer qualquer mestre babar! se não quiser acreditar, simplesmente tente imaginar um lich mecânico. alem disso contamos com os volumes um, dois e três da revista “Sem Trégua” que traz ficha e preço de diversos gigantes à vapor, estatísticas de novas armas, informações e opções para personagens e ainda conta com os encontros de pendrake, que narra um zoologista de campo, ou seja, um aventureiro que quer catalogar monstros!

Um “must” na estante de qualquer rpgista da 3.5!

Twitter Google+ YouTube  

Optimization WordPress Plugins & Solutions by W3 EDGE
%d blogueiros gostam disto: