Star Wars - Pirate Captain

"Star Wars - Pirate Captain" ©2008 UdonCrew (deviantART)

Olá leitores do Notícias da Terceira Terra, estamos de volta para mais um Lobisomens na Frota Estelar, devido a um acidente os dois últimos arquivos de áudio que eu tinha mandado para o VTT foram perdidos, então vou publicá-los na forma de texto mesmo, acho até que vão ficar melhores assim.

A proposta de hoje é fazer uma aventura de Espada e Planeta usando o universo de Star Wars, estou escrevendo com o Saga Edition em mente, mas nada impede que vocês usem outra edição, outro RPG de Space Opera ou mesmo um sistema genérico.

Caso vocês não saibam o que é Espada e Planeta (shame on you), ouçam o Episódio 09 do VTT, de longe um dos meus preferidos.

Minha ideia é que os personagens sejam um grupo de clonetroopers, stormtroopers, contrabandistas ou piratas, tanto faz, desde que sejam habilidosos em combate, não sejam sensitivos à Força (ou seja, nada de Jedi) e estejam de posse de uma nave.

Ao passar por um sistema desconhecido na Orla Exterior (Outer Rim) o grupo é pego por uma Tempestade Iônica (ou Solar, Magnética, Gravitacional, Plasmática, etc.) e se vê obrigado a aterrisar no planeta habitável mais próximo, que foi detectado pelos sensores da nave mas não consta nos mapas estelares.

Ao chegarem no planeta e examinarem a nave, os personagens descobrem que o Hyperdrive foi danificado e que eles não possuem a matéria-prima necessária para repará-lo, mas de acordo com os sensores podem encontrar essa substância numa cordilheira a algumas horas de viagem.

Ao explorar o planeta o grupo descobre a existência de 2 sociedades medievais e matriarcais, ambas dominadas por mulheres sentitivas à Força, uma de seguidoras do Lado da Luz e outra de usuárias do Lado Negro.

Obviamente as 2 sociedades são compostas por mulheres humanas e near-humans gostosas e com pouquíssima roupa.

As duas sociedades estão em guerra há gerações, enquanto a “sociedade da luz” irá se dispor a ajudar os personagens, desde que eles deixem suas sementes antes de partirem, a “sociedade das trevas” vai tentar capturar e escravizar os personagens, tendo um interesse especial por suas armas e sua nave.

Então você vai ter heróis espaciais armados com pistolas de raios, em um planeta primitivo e selvagem, sendo ajudados por bruxas gostosas e boazinhas e lutando contra bruxas gostosas e malvadas, ou seja Espada e Planeta de primeira qualidade, pra John Carter nenhum botar defeito.

Escrevi esse artigo pensando no planeta Dathomir, das Bruxas de Dathomir e Nightsisters, mas nada impede que o mestre crie seu próprio planeta e suas próprias ordens de bruxas gostosas.

Um nerd com compulsão por comprar RPGs, pocket books e temporadas completas de séries de TV, mas que quase nunca tem tempo de jogar, ler ou assistir tudo que tem.

Optimization WordPress Plugins & Solutions by W3 EDGE
%d blogueiros gostam disto: